O Timão ficou no empate sem gols diante do São Paulo na primeira final do Campeonato Paulista. Jogando no Morumbi, o Corinthians criou menos que o time da casa, mas as equipes fizeram uma boa partida neste domingo. A melhor oportunidade alvinegra veio com Henrique, na segunda etapa, enquanto que Cássio salvou os corintianos no final da primeira etapa. O título será definido no próximo domingo, às 16h, na Arena Corinthians.

Artilheiro do Timão, Gustavo não conseguiu ter chances no duelo deste domingo (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

APOSTAS

Segundo os dados fornecidos pelo Apostas Online, o tricolor paulista entrou com um pouco de favoritismo. Os odds, que são os prêmios que as casas pagam no caso do seu palpite se concretizar, estavam em R$ 2,05/um para os mandantes e pagando R$ 3,70/um para uma vitória do Corinthians. Como terminou tudo igual, o retorno foi de R$ 2,95/um.

SITUAÇÃO NO CAMPEONATO

Se o empate se repetir no próximo domingo  a decisão irá para as penalidades, enquanto que uma vitória de qualquer lado no tempo regulamentar leva o título do Paulistão.

RETROSPECTO POSITIVO

O duelo entre as equipes decidiu 11 finais até o momento, sendo sete do campeonato estadual. Dessas, o Timão leva vantagem e saiu vitorioso em quatro oportunidades (1938, 1982, 1983 e 2003) e perdeu três (1987, 1991 e 1998). Pela mesma competição, o Corinthians também se sai melhor. Em 182 confrontos, já contando com o desse domingo, o time do Parque São Jorge venceu 66, empatou 58 e foi derrotado em 58 oportunidades.

PRIMEIRO TEMPO

Apesar de movimentada, a primeira etapa pecou na criatividade e as chances de gol foram raras. Por conta disso, as defesas dominaram os respectivos ataques com certa facilidade e o momento de maior importância saiu no último minuto. Cássio fez ótima defesa após cabeceio do zagueiro Arboleda e impediu o gol tricolor. Aliás, o São Paulo, jogando em casa, procurou mais o tento. Foram sete finalizações para os mandantes e três do Timão, que teve Clayson como o jogador mais perigoso e se preocupa com Júnior Urso. O volante sentiu um problema na coxa e foi substituído por Richard.

Cássio foi fundamental para o placar não sair do zero (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

SEGUNDO TEMPO

O São Paulo voltou do intervalo com Hernanes na vaga de Gonzalo Carneiro e os mandantes mudaram o estilo de jogo. Com mais eficiência no ataque, ofereceram perigo ao Timão com o “Profeta”em finalização na esquerda do arqueiro corintiano, mas o camisa 12 defendeu. Com Vagner Love e Mateus Vital em campo (Ramiro e Jadson saíram), os comandados de Fábio Carille tiveram a melhor chance com Henrique, mas errou o cabeceio. Sendo assim, o placar não saiu do 0 a 0 e a decisão irá para o jogo da volta.

CALENDÁRIO

Antes da volta e grande decisão do Campeonato Paulista no próximo domingo, às 16h, na Arena em Itaquera, o alvinegro muda o foco no meio da semana para a Copa do Brasil. Na quarta-feira (17), às 21h30, o Timão encara a Chapecoense fora de casa, na Arena Condá, em Chapecó, pela primeira partida da quarta fase do mata-mata.

FICHA TÉCNICA

LOCAL: Morumbi, São Paulo (SP)
DATA/HORÁRIO: 14/04/2019 – 16h
PÚBLICO/RENDA: 58.713/ R$ 6.350.830,00
ÁRBITRO: Luiz Flavio de Oliveira
ASSISTENTES: Marcelo Carvalho Van Gasse e Emerson Augusto de Carvalho
VAR: Marcio Henrique de Gois
CARTÕES AMARELOS: Igor Gomes (São Paulo); Ramiro (Corinthians);
CARTÃO VERMELHO:
GOL:

SÃO PAULO: Tiago Volpi, Hudson, Arboleda, Bruno Alves, Reinaldo; Luan, Everton (Nenê), Igor Gomes (Helinho), Antony, Everton Felipe; Gonzalo Carneiro (Hernanes); (4-5-1)
Técnico: Cuca

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique, Carlos Augusto; Ralf, Júnior Urso (Richard), Jadson (Mateus Vital); Ramiro (Vagner Love), Clayson, Gustavo; (4-3-3)
Técnico: Fábio Carille