A última quarta não foi apenas de comemorações para a equipe sub-20 do Corinthians. Durante a vitória por 3 a 0 contra a Chapecoense, pela Copa do Brasil da categoria, o meia Gustavo Mantuan rompeu o ligamento cruzado do joelho esquerdo e está com operação marcada para a próxima quarta-feira (10).

O meia teve contusão semelhante em 2017 (Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag Corinthians)

COMO ACONTECEU

Mantuan apoiou seu pé esquerdo no campo após arriscar uma finalização, e então sofreu a lesão. Ele foi substituído com 28 minutos de jogo por Welliton, que anotou o terceiro gol da vitória. O seu caso foi semelhante ao ocorrido com o atacante Willian, do Palmeiras, que se machucou no duelo contra o Vasco, pela 37ª rodada do Brasileirão do ano passado.

HISTÓRIA REPETIDA

O jovem de apenas 17 anos passou pela mesma situação em setembro de 2017. Na ocasião, sua recuperação durou dez meses e ele voltou aos gramados em julho do ano seguinte. Se o caso se repetir, o jogador retornará apenas em 2020. Seu contrato foi renovado recentemente, em março, sendo válido até 2024.

SITUAÇÃO NA COMPETIÇÃO

O duelo em questão marcou a classificação do time alvinegro para as quartas de final do torneio. A garotada do Timãozinho tem pela frente o Cruzeiro. O time celeste passou pelo Goiás após empatar a ida em 0 a 0 e vencer o segundo confronto, em casa, por 3 a 2. O primeiro duelo entre as equipes será na próxima semana, em Minas Gerais.

FICHA TÉCNICA – CORINTHIANS 3 X 0 CHAPECOENSE

LOCAL: Parque São Jorge, São Paulo (SP)
DATA/HORÁRIO: 03/04/2019 – 15h
ÁRBITRO: Thiago Luis Scarascati (SP)
ASSISTENTES: Fabricio Porfirio de Moura (SP) e Enderson Emanuel Turbiani da Silva (SP)
CARTÕES AMARELOS: Rafael Bilu (Corinthians); Luiz Pedro e Pinhal (Chapecoense)
CARTÃO VERMELHO: –
GOLS: Nathan Palafoz, aos 9’/1ºT (1-0);Rafael Bilu, aos 47’/1ºT (2-0); Welliton, aos 42’/2ºT (3-0);

CORINTHIANS: Diego Riechelmann; Igor Marques (Daniel Marcos), Caetano, Ronald, Lucas Piton; Du, Roni (Rael), Fabricio Oya, Janderson (Gustavo Mantuan; Welliton), Rafael Bilu (Adson); Nathan Palafoz (Hugo Sandoval).
Técnico: Eduardo Barroca

CHAPECOENSE: Pavan; Caio, Luiz Pedro (Lucas), Chico (Bryan), Fernando; Luzzi, Vitor, Pinhal (Guilherme), Lima (William); Pedro, Pato (Pericles).
Técnico: Max Sandro de Oliveira


Fonte: Globoesporte.com