Nesta quarta-feira (15), o Corinthians deu um passo importante em relação às finanças do clube. Por meio de uma nota oficial, o clube anunciou que chegou a um acordo com a empresa Sport Promotion pela propaganda estática em jogos do Campeonato Brasileiro. A empresa pagará ao menos R$ 12 milhões por ano ao Timão pelo espaço das placas publicitárias da Arena Corinthians.

A negociação da propaganda estática sempre foi feita por intermédio da CBF, mas o Corinthians obteve junto à entidade o direito de negociar isoladamente, o que possibilitou o fechamento do negócio com a Sport Promotion.

“O Sport Club Corinthians Paulista informa que depois de ter reivindicado e obtido o direito de negociar isoladamente a propaganda estática, feita por meio de placas na Arena, fechou um acordo com a Sport Promotion, por meio do qual garante uma receita mínima de R$ 12 milhões, valor inédito no mercado brasileiro. A negociação faz parte do novo contrato de direitos de televisionamento dos jogos dos principais clubes no Brasileiro, que passa a vigorar em 2019, no qual a Rede Globo devolve aos clubes os direitos de venda das placas em suas arenas”, diz a nota oficial publicada no site do Corinthians.

Nesta quarta-feira, o Corinthians entra em campo na Arena Condá, em Chapecó-SC, para enfrentar a Chapecoense, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Na partida de ida, o Timão venceu por 1 a 0, na Arena Corinthians, com gol do paraguaio Ángel Romero. Com isso, o alvinegro precisa de apenas um empate para garantir a classificação para as semifinais da competição. Como não há mais o critério de gols qualificados, qualquer vitória da Chapecoense por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis.